São João de Caruaru

Pernambuco, a capital do forró

São João em Caruaru. Fonte: Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania, Flickr.
São João em Caruaru. Fonte: Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania, Flickr.

“Caruaru, obrigado Caruaru/ Se tou no Norte, se tou no Sul/ Nunca me esqueço de Caruaru”. Esses são os versos da música “Cidadão de Caruaru”, eternizada na voz de Luiz Gonzaga. De fato, Caruaru, cidade localizada no interior do Estado de Pernambuco, é uma das mais importantes cidades do interior do Nordeste.

Mas afinal, por que a cidade tem tanto destaque no cenário nordestino? Quais são seus principais atrativos? Quais são os atributos que Caruaru possui para rivalizar com Campina Grande como melhor centro para comemorar o São João? Leia este artigo, pois responderemos essas questões e muitas outras!

História de Caruaru

Caruaru é um município que começou a se formar ainda no século XVII. Nesse século, o Brasil era apenas uma colônia. Desse modo, o núcleo se desenvolveu até que em 1857 tornou-se um município. A cidade é um importante polo de emprego, turismo e renda no agreste pernambucano.

Cidade de Caruaru nos dias atuais. Fonte: Print-lock, Wikicommons.
Cidade de Caruaru nos dias atuais. Fonte: Print-lock, Wikicommons.

Segundo o Guinness World Records, o livro que catálogo recordes, Caruaru possui o maior São João do mundo, superando Campina Grande. Além disso, Caruaru é conhecida como capital do forró e por abrigar a Feira de Caruaru, uma das maiores feiras ao ao livre do Brasil.

Como chegar em Caruaru

O Aeroporto Internacional Gilberto Freyre, localizado em Guararapes – Recife, é o mais próximo de Caruaru. Desse modo, torna-se o ponto de partida inicial para a cidade. Em Recife, você pode parar um ou dois dias para aproveitar as praias e as belezas da capital brasileira mais holandesa que existe.

BR-232, principal via de acesso a Caruaru. Fonte: A. Júnior, Flickr.
BR-232, principal via de acesso a Caruaru. Fonte: A. Júnior, Flickr.

Além disso, você pode aproveitar a proximidade para visitar a cidade de Olinda e as praias paradisíacas de Porto de Galinhas. Ademais, a cidade de Caruaru fica a 135 km de Recife e o acesso é simples, bastando ao condutor prosseguir pela BR-232.

Há várias opções de aluguel de automóveis na cidade de Recife. Além disso, há diversas companhias de transporte que realizam o trajeto diariamente. Como Recife é uma metrópole nacional e Caruaru um centro regional, não será difícil para você encontrar transporte até a cidade.

São João em Caruaru

O São João é um evento que movimenta toda a cidade. Desse modo, é intuitivo curtir o São João na cidade. Todavia, há alguns locais que concentram a maior parte da festa. Entre eles, destacamos o Pátio de Eventos Luiz Gonzaga, que leva o nome do Rei do Baião, que eternizou a cidade em suas músicas.

As cores e alegria do São João de Caruaru. Fonte: São João em Caruaru. Fonte: Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania, Flickr.
As cores e alegria do São João de Caruaru. Fonte: São João em Caruaru. Fonte: Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania, Flickr.

No local,os eventos são gratuitos. Há excelente infraestrutura no Pátio Luiz Gonzaga, como banheiros, praça de alimentação, diversas lojas para venda de material típico da região, entre outros.

Caso você almeje uma festa de São João mais reservada, há diversos arraiais na cidade que podem oferecer essa experiência a você. Todavia, vale a pena separar pelo menos um dia para conhecer o verdadeiro São João de Caruaru.

Museu do Forró e Museu do Barro

Caruaru é uma cidade que preserva e valoriza as suas tradições. Desse modo, nada mais justo do que a cidade possuir seu próprio Museu do Forró, enaltecendo o ritmo que embala as festas no interior do nordeste e na cidade há pelo menos meio século.

Museu do Forró, dedicado a Luiz Gonzaga. Fonte: Wikipédia.
Museu do Forró, dedicado a Luiz Gonzaga. Fonte: Wikipédia.

Além disso, em local próximo ao Museu do Forró, está localizado o Museu do Barro. No local, é apresentado o trabalho de diversos artesãos locais, que trabalham, naturalmente, com o barro como principal matéria prima.

Ateliê Mestre Vitalino e Ateliê Mestre Luiz Galdino

Ambos os ateliês estão localizados no bairro “Alto do Moura”. Este bairro é um dos mais ricos de Caruaru, culturalmente falando. Nele que estão presentes os principais polos de São João fora do Pátio Luiz Gonzaga. Desse modo, é visita obrigatória para quem visita a cidade durante o São João.

Entrada do Alto do Moura. Fonte: Patrick, Wikicomoons.
Entrada do Alto do Moura. Fonte: Patrick, Wikicomoons.

O bairro também é conhecido “Maior Centro de Artes Figurativas das Américas” e como “berço do artesanato” na região. Desse modo, é visita obrigatória para quem deseja levar lembrança para amigos e parentes, além de conhecer o Ateliê dos artistas Vitalino e Luiz Galdino.

Afinal de contas, boa parte da reputação da cidade e do próprio bairro se deve a eles.

Feria de Caruaru

“A feira de Caruaru/ Faz gosto da gente ver/ De tudo que há no mundo/ Nela tem pra vender/ Na feira de Caruaru”.

A Feira de Caruaru é um dos eventos mais famosas da cidade, competindo com o São João pelo primeiro lugar. Boa parte dessa fama se deve às menções em elementos da cultura popular, como na literatura de cordel e na música, como “Feira de Caruaru”, cujos versos foram citados no início deste tópico.

Produtos comuns na Feira de Caruaru. Fonte: Allan Patrick, Flickr.
Produtos comuns na Feira de Caruaru. Fonte: Allan Patrick, Flickr.

Portanto, ela se trata de uma feira ao ar livre, onde são comercializados os mais variados tipos de produtos. É considerada uma das maiores feiras ao ar livre do país, por onde passam dezenas de milhares de pessoas.

Em 2006, o Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (IPHAN) declarou a Feira de Caruaru como patrimônio imaterial brasileiro.

Museu do Cordel

O Cordel trata-se de um gênero literário genuinamente nordestino. É muito famoso no interior do Nordeste, onde também recebe outros nomes, como literatura popular em verso ou folheto.

Museu do Cordel em Caruaru. Fonte: http://museusdecaruaru.blogspot.com/
Museu do Cordel em Caruaru. Fonte: http://museusdecaruaru.blogspot.com/

Desse modo, como forma de preservar e estudar esse importante movimento literário brasileiro, foi criado o Museu do Cordel em Caruaru. Lá é possível conhecer a história do Cordel, seus principais autores, entre outras curiosidades a respeito da literatura de cordel.

Igreja da Nossa Senhora da Conceição

A Igreja da Nossa Senhora da Conceição existe desde o século XVIII. Desse modo, carrega consigo grande parte da história de Caruaru, uma vez que existe antes mesmo da fundação do Município. A Arquitetura da igreja é bem similar à de outras igrejas brasileiras.

Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Fonte: Wikipédia.
Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Fonte: Wikipédia.

Todavia, a igreja como conhecemos hoje foi construída ao longo de vários séculos. A segunda torre, por exemplo, só foi construída no início do Século XX.

Quando ir para Caruaru

Como o clima na cidade se mantêm o mesmo durante o ano inteiro — forte calor e pouca precipitação de chuvas, ele não é crucial para a decisão. Todavia, os eventos e as festas de São João devem ser consideradas para você realizar a viagem para Caruaru.

Desse modo, como a cidade é marcada por essa festa, o mês de junho deve ser priorizado, especialmente nos dias que antecedem o dia de São João e São Pedro, marcos importantes para a festividade.

Cultura

Não há como falar de Caruaru sem falar da sua rica cultura, suas cores e misturas, sintetizando toda a riqueza imaterial que o sertão nordestino apresenta.

Festa dos bacamarteiros. Fonte: Hesíodo Góes, Flickr.
Festa dos bacamarteiros. Fonte: Hesíodo Góes, Flickr.

Desse modo, uma das principais evidências disso foram abordadas ao longo do texto. A cidade, eternizada na voz de Luiz Gonzaga, intitulado “rei do baião” e maior expoente da música nordestina, é uma evidência do papel da cidade como polo cultural da cultura sertaneja do Nordeste.

Além disso, a literatura de cordel é outro destaque marcante na cidade, que conta inclusive com um museu dedicada a essa expressão literária. Por fim, a cidade respira cultura e todos os passeios na cidade apresentam a cultura regional.

Entre os principais eventos culturais da cidade, destacamos:

  • São João;
  • Feira de Caruaru;
  • Festa do Bacamarteiros.

Dicas de viagem

Essa viagem é mais indicara para os amantes de rolês culturais. Além disso, é indicada para os amantes do São João e suas cores, músicas e tradição. O São João no Nordeste costuma ser regado a muito forró. Dessa maneira, na capital nacional do Forró, não é diferente.

Além disso, a rica gastronomia do sertão nordestino é um diferencial de quem visita a região. Há diversos locais que oferecem comida típica região, desde pratos, doces a cachaças. Por fim, prepare para enfrentar o forte calor do agreste pernambucano. Beba bastante líquido e use protetor solar.

Gastronomia

De maneira geral, a gastronomia é muito rica e tem influências da culinária sertaneja. Desse modo, são comuns as comidas apimentadas, pratos de caprinos como bodes, além da famosa carne de sol do sertão. Entre os doces, destaca-se a rapadura.

Segundo estudiosos, os primeiros registros da feijoada brasileira foram feitos em Pernambuco. Fonte: raphaelstrada, Flickr.
Segundo estudiosos, os primeiros registros da feijoada brasileira foram feitos em Pernambuco. Fonte: raphaelstrada, Flickr.

Todavia, nem só de cultura popular nordestina vive essa cidade do agreste pernambucano. Uma das melhores coxinhas do país, alvo de reportagem em jornais de alcance nacional, como o Jornal Globo, destacam o Rei das Coxinhas, na BR-232.

Desse modo, é um ponto de para obrigatória durante a viagem Recife – Caruaru. Além disso, como restaurante, podemos destacar o Bode Assado do Luciano, especializado em comida regional nordestina.

Conclusão

Sendo assim, Caruaru, a capital do Forró, cidade eternizada na voz de Luiz Gonzaga, rei do baião, é passeio obrigatório para quem curte viagens culturais. Além de conhecer o São João da cidade, há várias outras atrações relacionadas à cultura sertaneja e nordestina em geral.

E você, o que está esperando para conhecer uma das principais cidades do interior nordeste brasileiro?

 

Dica => Acomodações em Caruaru

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *