Ilha do Algodoal

Guia Completo

Ilha do Algodoal. Fonte: @arashida
Ilha do Algodoal. Fonte: @arashida

O Estado do Pará é nacionalmente conhecido por sua música extravagante, suas cores vibrantes e sua rica gastronomia. Todavia, é conhecido também por seus locais paradisíacos. A ilha de Maiandeua, popularmente conhecida como Ilha do Algodoal, é um destes destinos que vale a pena conhecer.

Desse modo, para apresentá-la para você, fizemos este breve artigo, com o guia completo para visitar a região da Ilha do Algodoal. Ademais, abordaremos sobre as principais dicas para quem deseja visitar o local, principais pontos a serem explorados, cultura local e gastronomia. Continue lendo e confira!

Principais informações sobre a Ilha do Algodoal

A região, ainda pouco explorada, tem se consolidado nos últimos anos como um destino muito interessante na região norte do país. A ilha de Maiandeua, nome oficial, vem do tupi e significa “mãe da terra”. A região começou a ser ocupada por pescadores ainda na década de 1920.

Seu nome popular, Ilha do Algodoal, se dá pela presença de uma planta nativa conhecida como “Algodão de Seda”. Suas sementes são cobertas de filetes brancos, que lembram o algodão. Eles caem das plantas e cobrem areia e lagos da região, fato que deu origem ao nome de Ilha do Algodoal.

Praia Da Princesa

Praia da Princesa. Fonte: Wikipédia.
Praia da Princesa. Fonte: Wikipédia.

Praia de grande extensão, areia fina e branca, apresenta diversos pequenos bares e restaurantes. Uma das principais programações da Praia é realizar longas caminhadas e tomar um banho nas águas mornas da região, fato que não é comum nas praias brasileiras de outras regiões.

Além disso, você pode contemplar a Lagoa da Princesinha. Ela se localiza ao final da praia e conta com um excelente banho natural. Dessa maneira, a praia é indicada para quem curte pegar um sol e se refrescar em um banho em águas naturais.

O Caranguejo servido nos restaurantes locais tem tudo para otimizar a experiência para você.

Praia Fortalezinha

Praia de Fortalezinha. Fonte: 1000dias.com
Praia de Fortalezinha. Fonte: 1000dias.com

Diferente da Praia da Princesa, que possui uma visão mais limpa, esta praia é mais carregada da de vegetação local — o mangue. Todavia, este não é um ponto negativo, mas sim um diferencial da região. O local encontra-se limpo, livre de lixo, carros e motos.

Ademais, a Praia de Fortalezinha encontra-se no município do Maracanã, região do salgado paraense. Local recluso, verdadeiro paraíso entocado no litoral paraense, a região abriga diversas famílias de pescadores. Portanto, é possível encontrar a venda de diversos frutos do mar no local.

Praia da Vila do Algodoal

Outra praia de águas mornas da região da Ilha do Algodoal. As águas da praia são de uma coloração verde-escuro, resultado dos diversos sedimentos que os rios transportam para o mar diariamente. De ondas fortes, é necessário tomar cuidado ao realizar os banhos.

Ademais, o pôr do sol visto da praia é muito bonito e é uma das programações preferidas de quem visita o local. O meio de locomoção utilizado na praia são os cavalos, o que torna-se tanto um atrativo quanto um empecilho para alguns.

Praia Marudá

Praia de Marudá. Fonte: noauge.net
Praia de Marudá. Fonte: noauge.net

Assim como as demais praias da região da Ilha do Algodoal, ela é bastante tranquila e conta com a presença de diversos pequenos bares e restaurantes ao longo de sua orla. Entre os principais produtos que ofertam, destacam-se os frutos do mar, a água de coco, cervejas, sucos, naturais, entre outros.

Ademais, a praia é pouco frequentada e de fácil acesso. Portanto, é um local ideal para quem está em busca de paz e tranquilidade e busca ficar em contato com a natureza. A praia de Marudá também é destino ideal fora de temporada, pois as águas e clima no local se mantêm estável durante o ano inteiro.

Praia da Mococa

Apesar da Praia da Mococa ser, essencialmente, um local de transição entre outras atrações principais, como a Praia Fortalezinha, ela possui seus atrativos e suas qualidades. É uma das praias mais reclusas de todas na Ilha do Algodoal, com quase nenhuma presença de bares e restaurantes.

Dessa maneira, é ideal para quem quer curtir uma praia sem os vícios da presença humano, como música alta, bebidas, entre outros.  Ademais, a praia oferece um passeio que o distância da presença humana e o aproxima da natureza. É ideal, portanto, para um passeio solitário ou a dois.

Praia Grande

Praia Grande. Fonte: https://www.spiceuptheroad.com
Praia Grande. Fonte: https://www.spiceuptheroad.com

As Praias do Algodoal são basicamente no mesmo estilo. A diferença maior entre elas se dá por conta de detalhes, infraestrutura e movimento. Dessa maneira, assim como as praias citadas anteriormente, a Praia grande apresenta pouco movimento e é ideal para quem está em busca de paz e tranquilidade.

Ademais, na praia, é possível avistar diversos animais pertencentes a fauna da região, especialmente aves como os guarás e as garças. Como esta praia possui poucos bares e restaurantes, recomenda-se que você leve a sua própria água. Ideal para um passeio solitário ou piquenique com a família.

Passeio de canoa pelo Furo Velho

O Passeio ocorre pelo mangue até adentrar no Rio Furo Velho. É ideal para quem gosta de explorar a natureza. Ao longo do percurso é possível contemplar uma série de paisagens e descobrir diversas curiosidades do mangue, como a sua fauna e flora.

É possível, por exemplo, observar os guarás, aves de tons avermelhados, caranguejos, garças, diversos peixes como maçaricos e arirambas. Se você tiver sorte, é possível avistar também alguns animais maiores, como macacos. Além disso, o passeio vai até o encontro das águas, evento interessante de se assistir.

Pracinha da Vila de Algodoal

Nesta pracinha, modesta, mas majestosa e simpática, estão concentrados os principais bares, soverterias e restaurantes da Ilha do Algodoal. Dessa maneira, é visita obrigatória para quem viaja para a região. Afinal, a pracinha da vila é o coração da mesma.

Além disso, nesta praça que são realizadas as divulgações das festas que agitam a noite na Ilha do Algodoal. Em geral, elas são regadas pelos diversos ritmos locais, como o tecno brega, o melody e o tecno melody.

Cultura

A cultura da região é rica, diversa e, ao mesmo tempo que apresenta traços semelhantes com o restante do Estado e da região norte do país, apresenta traços singulares, que tornam o local interessante desse ponto de vista.

A cultura indígena, tão presente em toda a região norte, também se faz presente na Ilha do Algodoal. Todavia, a imigração de pescadores para a região, quando a ocupação na ilha começa a se consolidar, também é outra influência que não pode ser desconsiderada.

Dessa maneira, há uma mistura entre essas duas principais influências. As lendas indígenas se fundem com as crenças dos pescadores. A religião católica, apesar de ser influência mais forte, mistura-se em um sincretismo com as crenças dos dois primeiros grupos citados.

Principais dicas para quem visita a região

As dicas são basicamente as mesmas para quem visita qualquer local na região norte. Ou seja, proteja-se do forte calor e dos insetos. Leve sempre um repelente com você, beba bastante água e use protetor solar.

Ademais, aproveite a viagem com o melhor que a região norte e o Estado do Pará tem a oferecer, como culinária farta e singular. Aproveite para comer os doces de frutos da região, como bacuri, cupuaçu e buriti. Os sucos destas frutas também são muito bem-vindos.

Aproveite também para sentir na pele a cultura vibrante do norte, especialmente do Estado do Pará. Há vários eventos com músicas locais que ocorrem na Ilha do Algodoal, que tocam desde o carimbó ao tecno brega e tecno melody.

Gastronomia

Conforme destacamos anteriormente, ao longo deste guia, a culinária é fortemente influenciada pela cultura indígena. Além disso, conta com certa influência de nordestinos, que migraram para toda a região norte em diversos períodos, como na construção de ferrovias, extração da borracha, etc.

Ademais, além de pratos que utilizam produtos típicos da região norte, como açaí, tapioca e farinha de mandioca, há diversos outros que utilizam frutos do mar, aproveitando os produtos encontrados na região litorânea. Entre os principais pratos, destacam-se o camarão, caranguejo e diversos peixes.

Os restaurantes com maior destaque na região são:

  • Restaurante Coroa Espaço Gourmet
  • Lua & Mar

Ambos apresentam como especialidade a oferta de frutos do mar.

Conclusão

Sendo assim, a Ilha do Algodão é um destino ainda pouco visitado na região norte do país, mas que vale muito a pena incluir na sua lista de viagens a serem feitas pelo país. O local apresenta diversas atrações únicas na região, forte calor o ano todo e praia muito atrativas.

E você, o que está esperando para incluir a Ilha do Algodoal na sua lista de viagens? Venha conhecer a Ilha de Maiandeua! O Pará aguarda por você com muita hospitalidade!

Dica => Acomodações em Algodoal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *